3 de outubro de 2011

Na festa do Morumbi e do Fabuloso, Fla leva a melhor


Estava tudo preparado: casa lotada, imprensa badalando, Luis Fabiano empolgado, aniversário do Morumbi, time quase ideal. Quase...

Quase porque o São Paulo não se emenda ou lhe falta alguém que o emende. Emendar no dicionário Uol - Michaelis tem 7 significados e 5 deles poderiam ser usados aqui, vejam:

e.men.dar
(lat emendare) vtd 1 Corrigir (aquilo que estava errado ou mal feito). vtd 2 Alterar, modificar. vpr 3 Tomar emenda; arrepender-se, corrigir-se. vtd 4 Colar, ligar, unir (as partes que foram separadas). vtd  5 Esp Chutar de primeiro toque a bola. Emendar a mão: corrigir-se; mudar de procedimento.

O tricolor é um time que não aprende com os próprios erros, insiste em fazer tudo igual, é incapaz de pensar novo quando o assunto é futebol. Você pode estar pensando que eu sou louca em dizer isso justo no dia em que o Fabuloso voltou e você não deixa de ter razão, foi bom vê-lo em campo, tem cheiro de dias melhores. Todavia, a postura do time irrita e mais do que isso, as mudanças de Adilson Batista causam incredibilidade. 

Falamos tanto em conjunto e time, o São Paulo não liga, não cola, não uni suas principais peças, peca em questões técnicas, como por exemplo no primeiro gol do Flamengo em que o Juan nem sequer pulou na bola para tentar tirá-la. 


Rivaldo já provou que tem lugar no time, mas o treinador resolveu que "ele" é a surpresa do segundo tempo. Sem Lucas e com um a menos o gol era questão de tempo, só não veio mais rápido porque Rogério estava numa noite iluminada e atuou como a torcida gosta: fechando o gol. 


Dagoberto nunca mais foi expulso e também anda sem falar muito, afinal entendeu que ou fala dando margem a dupla interpretação ou a imprensa distorce mesmo, então como em boca calada não entra mosca ele resolveu mostrar sua cara fazendo gols. E os tem feito, como hoje. Confesso que quando o vi sem camisa pensei: " Se ele fizer uma falta vai pra rua" recomeçando o jogo, não é que ele fez exatamente isso. O juiz pipocou, não cumpriu o que lhe cabia. E Dagol saiu no lucro, agora por mais que eu seja a favor de mudanças não sei se o São Paulo está pronto para ficar sem ele. 


Passada a euforia do empate, o campeão de "desastres" no ano, Carlinhos Paraíba, deu um pique enorme para? Sim, desviar a bola para o fundo do gol.

Eu sei que não foi querendo, sei também que havia uma boa intenção, mas... você sabe o que diz o ditado sobre intenção, não é? Resultado: além de perder o jogo, a torcida do São Paulo teve que achar graça de tudo isso nos Gols do Fantástico, porque eles lá também não perdoaram a situação patética.

4 comentários:

mfc disse...

Os resultados sempre mexem connosco.... por isso o desporto é empolgante.

Cleber Soares disse...

Rafaela,
o jogo não foi lá essas coisas mas o mengo mereceu a vitória. O SP mais uma vez prova que ainda não esta pronto para ser campeão. O mengo ainda não me convenceu, mas já melhorou e muito, se vencer o flusão domingo com certeza empolga de vez nessa reta fina.

BLOG DO CLEBER SOARES
www.clebersoares.blogspot.com

。♥ Smareis ♥。 disse...

Gosto de futebol, mas nunca gosto de assistir, fico nervosa, quando meu time perde. Desejo uma ótima semana, cheia de muitas energias positivas, muita paz e muita luz sempre na tua vida. Beijos grande!

Smareis

FuteB.R.O.N.C.A.! disse...

No fundo, no fundo...treinador não ganha jogo, mas ajuda. Adilson é bastante fraco...um dos mais fracos da série A.

Saudações!!!