8 de março de 2011

Dia Internacional da Mulher: os homens nos recebem bem no futebol

Neste dia Internacional da Mulher, que na minha modesta opinião é todo dia, tomei a liberdade de reapresentar dois textos muito femininos que já passaram aqui pelo blog, o primeiro no bom humor da nossa querida Wanessa Ragazza, a palmeirense, mais palmeirense das mulheres, grifei algumas passagens para chamar atenção de vocês.

No segundo retomando o início dos Pitacos Femininos aqui no blog.
Muitas atletas mulheres merecem nosso destaque: Juliana e Larissa, quase imbatíveis. Adriana e Shelda, pelo hall da fama dos esportes. Fabiana Muller pelo atletismo, Ana Marcela na natação. Fofão, Jaqueline e tantas outras do vôlei de quadra, Marta do futebol... e todas aquelas que nas dificuldades, sem mídia, sem patrocínio, na dificuldade, fazem do esporte sua paixão.

Vamos celebrar e agradecer!
Rafaela

Pitacos Femininos: Hoje é nosso dia e tem verdão!!!! - 08/03/2010 - Por Wanessa Ragazza


Hoje é o nosso dia, dia das mulheres, e tudo que nós queríamos era ser respeitadas como mulheres e com os mesmos direitos e privilégios de vocês homens.

E lutamos pra isso, quer ver?

Hoje podemos discutir futebol, sem ouvir aquela piadinha velha, Mulher vendo futebol – "Porque só aquele homem ta vestido de preto", lembra da propaganda?

Pois é não precisamos mais mentir que gostamos de futebol porque os jogadores têm coxão. Agora discutimos esquemas táticos.

Não precisamos mais ficar na frente da TV, nós podemos ir ao estádio ver nosso time jogar, e até podemos xingar o arbitro, não é fantástico?

Ora vejam só, não ficamos mais de fora dos papos no boteco após um clássico estressante, e até bebemos com vocês a tal "loira gelada"...

E cá entre nós, que loira!! rsrs

Novela? Que nada eu quero é ver gol, acompanhar as rodas... Torcer, secar...

Podemos até usar a camisa do nosso time... Que conquista!

Desejamos a mesma coisa que os homens; desejamos vitórias, canecos, títulos..

Podemos vibrar, chorar, sorrir e gritar ...

Podemos nos emocionar com futebol... Que maravilha!

Mas queremos respeito!

Passeio em família, que tal no Palestra, Morumbi, Mineirão, Engenhão, Maracanã, Beira Rio, Olímpico, nos Aflitos ou na Ilha do Retiro.. O que importa? Estamos sempre lá presentes...

Mas gostamos de banheiros limpos, por favor!! rsrrs

Que bom que as coisas mudaram, que bom que temos até apresentadoras em programas esportivos, e melhor, discutindo futebol... hahaha!! Será que meu avô imaginaria isso?

Temos bandeirinhas e arbitro mulher... Quanta evolução!!

Que bom que temos a Marta, a Cristiane entre tantas outras..

Que bom que os tempos realmente mudaram...

E o futebol é um ótimo termômetro pra medir isso

Estamos cada vez mais nesse mundinho que um dia foi masculino...


E sabe o que é o mais bacana disso tudo?


É vocês homens nos receber tão bem...

E ainda temos a vantagem de ser tratadas com respeito até pela torcida adversária...rsrrs

Tenho que agradecer as centenas de mulheres que morreram queimadas nessa data, só porque queriam “direitos de igualdade”.

E tenho que lamentar países que ainda tratam suas mulheres muito mal.. É triste!!

Parabéns todas as mulheres que não se intimidam em falar de futebol!!

Viva os 100 anos do dia Internacional das Mulheres!!
Continua.... 

 



Um novo mundo feminino ( 21/08/2009)

Mulheres com toda sua feminilidade gostavam de nadar, curtiam a beleza dos atletas de vôlei, sugeriam que o gol poderia ser feito para qualquer lado, que futebol eram 22 homens correndo atrás da bola.

Os tempos mudaram, as mulheres conquistaram um espaço diferente, colocaram um jeitinho novo em tudo, inclusive no futebol.

Começou devagar, nas aulas de Educação Física, ao invés de handeball a gente queria futebol. Os meninos se revoltavam, queriam a morte ao ter que dividir a quadra conosco, nos convidavam para ir à praia jogar vôlei, após o vôlei queriam nos colocar de escanteio para jogarem o esporte mais masculo do planeta, mas nós fazíamos questão de jogar e os times tinham que ser mistos e, claro, os meninos ficavam frustrados tentando mandar a gente embora para eles jogarem sozinhos.

Neste meio tempo tinha o vídeo-game, toda garota pelo menos uma vez para ver como é quis jogar aqueles jogos da Fifa: Tadinho dos meninos!!! Como eles ficavam bravos.

Todavia, a grande revolução ainda estaria por vir, com tanta informação, nós mulheres nos interamos dos casos e acasos do planeta bola, aprendemos as regras, escolhemos um time, viramos torcedoras, cronistas e companheiras de mesa na discurssão diária sobre futebol.

Aquele tipo de Comunidade machista como " Troquei ela pelo jogo da Libertadores" pode muito bem ser: Troquei ele...

Chegar na segunda-feira pela manhã para trabalhar e dar palpite com consciência na conversa dos rapazes.
... e se tudo isso ainda não fosse o bastante, os times perceberam o quanto as mulheres são torcedoras potenciais e há uma grande linha de roupas e acessórios femininos. Como é linda uma babylook de futebol!!!

Agora o futebol feminino é oficial, participa das Olimpíadas e tem Copa do Mundo, não é perfeito, mas chama atenção.

Alguns homens ainda relutam levar mulher ao estádio, lembro que meu tio quando convidou os sobrinhos pela primeira vez, deixou eu e minha prima, a gente não chorou para não dar o braço a torcer, mas nos revoltamos, quando os meninos voltaram felizes. Depois meu irmão e meus primos observaram que estádio também é lugar para mulher e passaram a nos levar. Diga-se de passagem que entram conosco de mãos dadas, parecem até guarda-costas, cuidados de irmãos e primos - irmãos.

Dureza é quando uma mulher começa um relacionamento e o cara olha e diz: Eu não gosto de futebol... No mínimo, frustante.

Depois de tantas observações, acho muito, mais muito legal a quantidade de blogs feminos de futebol. Um público ainda em formação e que promete muito.

E para não perder o costume:
O campeão voltou... O capitão também...

Você tem medo do Jason?Búúúú!!!!
Saudações tricolores femininas!!!

5 comentários:

Roberto Cruz disse...

Queridas amigas!! Rafaela, Wanessa, Fernanda, Aurea, e todas as meninas que participam desse excelente blog. Tenham um lindo "Dia Internacional da Mulher". Se vcs puderem, passem lá no blog e comentem, tem uma singela homenagem pra vcs.

Beijão do amigo,
Roberto Cruz.
http://dacruzdemalta.blogspot.com/

Roberta disse...

Muito bom o blog, e fico super feliz ao ver mulheres que também gostam de futebol, assim como eu. Estou seguindo-as e espero suas visitas no meu: www.elaeofutebol.blogspot.com

Saulo disse...

Muito bom o texto. Hoje em dia, as mulheres estão iguais ou superiores aos homens. As mulheres estão ocupando a maioria dos trabalhos. A evolução da mulher é muito grande. Com relação a ocupação no trabalho não vejo mais preconceito e sim uma enorme procura. Só com relação ao salário que ainda não fica igual aos homens. E tem aqueles homens que não respeitam suas mulheres, batendo nelas e ficando caladas por serem ameaçadas. Mas com relação as outras coisas tudo está igual.

Cris França disse...

Belo texto Rafa, e olhe que hoje em dia, algumas mulheres falam em futebol de igual para igual , sem perder o charme e a beleza, tá aí a Renata Fan que não me deixa mentir. bjs pro cê

Adriano Berger disse...

Belos textos, parabéns a todas as mulheres que deixam seu toque feminino, poético e ao mesmo tempo crítico sobre o esporte nesse blog!

Um grande beijo, Rafa!